O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player


Cuidados em relação ao tratamento com medicamentos manipulados

Alguns fatores devem ser observados em relação à conservação e administração de qualquer fórmula manipulada, são eles:

- Leia atentamente o rótulo do medicamento e compare-o com a receita médica: As informações essenciais de um rótulo são o nome do paciente e do médico que prescreveu a fórmula, todos os princípios ativos e suas respectivas  dosagens, a quantidade de cápsulas, a posologia, além da data de fabricação e validade. Se qualquer uma dessas informações não estiver descrita em seu rótulo, contate imediatamente a farmácia;

- Muita atenção na validade do produto: Os medicamento manipulados possuem uma validade mais curta do que os industrializados, pois são preparados para um tratamento específico exigido pelo médico. Geralmente a validade é determinada por esse período de tratamento e pode variar de acordo com as matérias-primas prescritas. De acordo com a ANVISA, esse prazo não deve-se ultrapassar 6 meses de validade. Jamais tome o medicamento com o prazo de validade vencido, pode ser extremamente prejudicial à sua saúde;

- Conservação: Salvo algumas excessões, os medicamentos devem estar sempre protegidos do calor, luz e umidade excessivos, pois esses fatores podem alterar suas propriedades farmacológicas e inutilizar seus efeitos. Se o medicamento teve qualquer alteração em suas características físicas tais como, cápsulas grudando ou cremes com mudança na cor ou consistência, suspenda imediatamente o uso e contate a farmácia para maiores esclarecimentos;

- Nunca tome qualquer medicamento sem o conhecimento do seu médico: O profissional médico é essencial para que seu tratamento seja feito com maior eficácia pois ele pode avaliar seus sintomas através de exames - sejam eles laboratoriais ou clínicos, tornando a avaliação de seu estado correta. O papel do farmacêutico está no conhecimento mais aprofundado do mecanismo de ação dos medicamentos bem como possíveis reações adversas. Portanto o trabalho conjunto médico-farmacêutico é essencial para que seu tratamento seja eficaz.

 


Razão Social: Farmácia Drogana LTDA | CNPJ: 62.307.970/0001-91 | I.E.: 108.031.095.118
CMVS: 355030801-477-003367-1-8 | AFE: 0.04284-8 | A.E: 1.33.037-9 | Registro CFF: 02099
Responsável Técnico: Carlos Eduardo Elias | CRF-SP: 36.205
(11) 2273-7233
Atendimento telefone/fax.

Segunda à Sexta das 8H às 19H
Sábado das 9H às 13H
Rua Silva Bueno, nº 835 – Ipiranga – São Paulo – SP - 04208–001 Agência i4